Crítica Filme - "O Destino de Uma Nação" - Rita Vaz


Filmes que falam de um personagem ou evento históricos são sempre bem-vindos, eles nos dão a oportunidade de espiar a história, bem acomodados em uma poltrona.
Essa experiência é ainda melhor quando grandes profissionais são unidos e dão o melhor de si, proporcionando um espetáculo visual recheado de técnicas de iluminação, som, atuação e diálogos competentes.
Em “O Destino de Uma Nação” assistimos Winston Churchill chegar ao poder, tornando-se o Primeiro Ministro do Reino Unido em um momento crucial da história da humanidade, durante a Segunda Guerra Mundial.
No longa somos apresentados a um Churchill que exala fumaça, gordura e rompantes de humor, indo da calmaria à explosão, em poucos segundos.
E logo no início do filme assistimos ao Parlamento Inglês o elegendo, apesar das ressalvas de muitos, inclusive a do Rei George VI.
O mundo está sob as garras de Hitler, que está invadindo toda a Europa e colocando a humanidade sob risco, Churchill será a pessoa que terá que decidir se aceita um acordo de paz, oferecido por ele, ou se entra em um confronto real e maciço no seu país, culminando com a retirada das tropas inglesas do norte da França, na batalha de Dunkirk.
Será através de suas ações e de seus eloquentes discursos que ele convencerá uma nação do que é melhor para ela.
De forma absolutamente arrebatadora, Gary Oldman interpreta Churchill debaixo de uma densa camada de maquiagem. Mas, apesar dela, é a atuação de Oldman que nos faz ver, o personagem Churchill o tempo inteiro. Ele está magistral!
A direção de Joe Wright é excelente no que diz respeito ao andamento do filme, às tomadas peculiares, aos close-ups e muito mais.
E são os close-ups que nos impressionam, pois, a maquiagem em Oldman é algo incrível, ela simplesmente parece ser verdadeira.
Outros personagens também chamam a atenção como o Rei George do ator Ben Mendelsohn, a esposa Clementine Churchill da atriz Kristin Scott Thomas e a secretária Elizabeth Layton de Lily James, que se destacam naturalmente.
“O Destino de Uma Nação” é um filme que deve ser assistido por todas as pessoas, tanto pela história que conta, como pelas ricas imagens que proporciona. Recomendo!

Título Original: Darkest Hour
Gênero: Biografia/Histórico/Drama
Duração: 2 horas e 06 minutos
Ano de Lançamento: 2018
Direção: Joe Wright

Elenco: Gary Oldman, Kristin Scott Thomas, Ben Mendelsohn, Lily James, Ronald Pickup, Stephen Dillane, Samuel West, Hilton McRae.

RITA VAZ

Nenhum comentário:

OS MELHORES ANOS DE UMA VIDA, DE CLAUDE LELOUCH, CHEGA AOS CINEMAS NO DIA 24 DE JUNHO

  OS MELHORES ANOS DE UMA VIDA,  dirigido por Claude Lelouch, estreia nos cinemas brasileiros no dia 24 de abril. O filme, que f...