GRIOT - FESTIVAL DE CINEMA NEGRO CONTEMPORÂNEO

 

De 12 a 18 de outubro acontece o Griot - IV Festival de Cinema Negro Contemporâneo, a edição apresenta pela primeira vez as atrações de forma presencial em locais históricos da região central de Curitiba. Na programação haverá mostras - exibição de curtas e longas - nacionais e internacionais, o filme de abertura será "Marte Um" de Gabriel Martins, escolhido para iniciar o "Tempo de Ajeum", mote e conceito do festival deste ano. 


Nesses sete dias de sessões e atividades que envolvem laboratório de desenvolvimento de roteiro, oficinas e mesas temáticas, a Cartografia Filmes, realizadora do evento,  se comprometeu em estruturar uma programação diversa com foco na produção de cinema com realização e protagonismo de pessoas negras. 


As oficinas deste ano contam com a potência, estudo e desenvolvimento da documentarista e pesquisadora Lilian Solá Santiago, da atriz, diretora, professora, dubladora e apresentadora, Rejane Faria e da diretora artística do festival Griot, Bea Gerolin. Os estudos serão sobre um mergulho na produção de roteiro para documentário, atuação e criação de presença cênica e construção de conceitos de direção de arte e composição de cenários. 


A Mostra Competitiva de Curtas Brasileiros possui uma premiação especial de R$10 mil reais em serviços de pós-produção para o filme vencedor na categoria Melhor Filme. Segundo a coordenadora  de Curadoria e Programação do festival, Kariny Martins, "os 14 filmes que compõem a Mostra Competitiva do IV Griot, se encontram e se colidem, formando um conjunto de filmes singulares que nos levam a pensar quais cinemas negros são possíveis. Quais narrativas podem se sobrepor a um mundo fundado em símbolos que, para nos permitir avançar, precisam ser revistas e reimaginadas?".


Questão trazida pelo mote deste ano em "Tempo de Ajeum" que se concentra no processo em construção que é o cinema negro: o fazer/fazendo-se, feitura cotidiana, constante, que se inscreve em cada obra e cada pessoa que produz um recorte, uma janela para compartilhar sua visão e desejo de mundo. 


Ajeum é a palavra utilizada para o ato de comer, de se alimentar nas religiosidades de matrizes africanas, mas é muito mais do que isso: é integração entre os que dividem o alimento, entre energia e sujeito, entre tudo que os elementos envolvidos na feitura dessa comida carregam, sejam eles animais ou vegetais. Acredita-se, dentro da espiritualidade iorubana, que levamos um pouco do axé (energia vital) de tudo que nos alimentamos, seja concreta ou simbolicamente. 


"Tempo de Ajeum é um chamado, um pedido de atenção para o que colocamos dentro da gente, um olhar para a espiritualidade como maneira de reconexão e inspiração. É também uma reverência ao alimento, à terra, à natureza, e a tudo de nutritivo e potente que saem deles", explica Bea Gerolin.


À comunidade, o festival preparou um transporte que fará uma rota especial em bairros periféricos para a condução até os cinemas com exibições. Algumas sessões e bate-papos serão traduzidos em libras e para quem não estará em Curitiba haverá sessões de filmes disponíveis online na plataforma Todes Play. 


Aproveitando o feriado de dia das crianças, há na programação sessões matinê da Mostrinha, acompanhe pelo site do Festival Griot as atividades que acontecem simultaneamente no evento, detalhes dos convidados, curtas, longas  e selecionados.


O Griot – IV Festival De Cinema Negro Contemporâneo é uma realização da Cartografia Filmes, com incentivo do Ebanx. Apoio: Projeto Paradiso, Candaces Produção Cultural, O2 Pós, Aliança Francesa de Curitiba, Fecomércio PR - Sesc Paço da Liberdade, Cine Passeio - ICAC, Cinemateca de Curitiba, Embaúba Filmes, Filmes de Plástico e  Todes Play. Projeto realizado com recursos do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba.

 

Serviço:

Realização: Cartografia Filmes.

Griot – IV Festival de Cinema Negro Contemporâneo.

De 12 a 18 de outubro.

No Cine passeio, Cinemateca, Paço da Liberdade e com sessões online na Todes Play

Evento Gratuito.

@festivalgriot

http://www.festivalgriot.com.br

Nenhum comentário:

Crítica Filme "Ferrari" por Rita Vaz

Estreia nesta quinta-feira o filme “Ferrari” dirigido pelo cineasta Michael Mann, que também já dirigiu grandes produções, como “O Último do...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba