Canal Brasil faz homenagem aos 90 anos de Lucy Barreto com exibição de entrevista inédita e 10 filmes que marcaram sua trajetória

 
                                       Simone Zuccolotto e Lucy Barreto. Crédito: Divulgação

Para celebrar o aniversário de 90 anos de Lucy Barreto, uma das maiores produtoras de cinema do país, o Canal Brasil preparou uma programação especial com dez longas-metragens produzidos por ela.  À frente -  junto com o marido, Luiz Carlos Barreto - da LC Barreto, Lucy já produziu mais de 80 títulos. Do dia 30 de maio ao dia 8 de junho, sempre à meia-noite, serão exibidos "Flores Raras", "Índia, a Filha do Sol", "Amor Bandido", "Bossa Nova", "O Caminho das Nuvens", "O Que É Isso, Companheiro?", "O Romance da Empregada", "Bye Bye Brasil", "O Quatrilho" e "Grupo Corpo - 30 Anos - Uma Família Brasileira". No primeiro dia da mostra, às 13h30, será exibida também uma entrevista inédita de Lucy com a repórter Simone Zuccolotto, no Cinejornal.

A abertura da mostra, no dia 30, fica a cargo de "Flores Raras" (2013), dirigido por Bruno Barreto, que acompanha a poetisa Elizabeth Bishop, interpretada pela australiana Miranda Otto, que viaja ao Rio durante a década de 50 em busca de inspiração e se envolve com a arquiteta Lota de Macedo Soares, vivida por Glória Pires. Em seguida, na quarta, dia 31, é exibido "Índia, a Filha do Sol" (1982), de Fábio Barreto, que traz Glória Pires no papel de Put'Koi, que se apaixona por Silveiro, um cabo do exército, interpretado por Nuno Leal Maia. 

Já na quinta, 1º de junho, será exibido o drama policial "Amor Bandido" (1978), com direção de Bruno Barreto, que narra a história de Galvão, vivido por Paulo Gracindo, que investiga os assassinatos de motoristas de táxi enquanto procura por sua filha Sandra. Na sexta, 2, é a vez da comédia romântica "Bossa Nova" (2000), protagonizada por Antônio Fagundes e pela norte-americana Amy Irving e dirigida por Bruno Barreto. O filme acompanha Mary Anne Simpson que, após anos trabalhando como comissária de bordo, passou a dar aulas de inglês no Rio de Janeiro. Entre seus alunos, está o recém-divorciado Pedro Paulo e o jogador de futebol Acácio, vivido por Alexandre Borges, ambos apaixonados por ela. 

A programação continua no fim de semana com "O Caminho das Nuvens" (2003), no sábado, dia 3. O drama de Vicente Amorim traz Wagner Moura no papel de Romão, um caminhoneiro desempregado que parte com sua mulher, interpretada por Cláudia Abreu, e seus cinco filhos em uma viagem de bicicleta da Paraíba até o Rio de Janeiro. Já no domingo, dia 4, será exibido o clássico "O Que É Isso, Companheiro?" (1996), de Bruno Barreto. O drama conta a história dos amigos Fernando e César, vividos por Pedro Cardoso e Selton Mello, que se alistam em um grupo guerrilheiro de esquerda durante a ditadura militar no Brasil. O filme foi indicado ao Oscar de Melhor Filme Internacional em 1997.

Já na segunda, dia 5, o público vai se emocionar com "Romance da Empregada", de Bruno Barreto. Na trama, Betty Faria vive a empregada doméstica Fausta que sonha em conseguir sair da favela onde vive com o marido, um bêbado desempregado. O longa de Cacá Diegues "Bye Bye Brasil" (1976) integra a mostra na terça, dia 6. Betty Faria, José Wilker, Fábio Jr. e Zaira Zambelli formam um grupo de artistas que viaja pelo interior do país em uma caravana que realiza espetáculos para a população mais humilde e sem acesso à televisão. 

Na quarta, dia 7, vai ao ar "O Quatrilho" (1995), filme de Fábio Barreto indicado ao Oscar de Melhor Filme Internacional em 1996. O longa, que se passa no Rio Grande do Sul em 1910, narra a história de dois jovens casais que decidem morar na mesma casa para economizar. O documentário "Grupo Corpo 30 Anos - Uma Família Brasileira" (2005), de Fábio Barreto e Marcelo Santiago, encerra a mostra na quinta, dia 8. O longa comemora as três décadas de fundação de uma das mais prestigiadas companhias de dança do país. 

MOSTRA LUCY BARRETO - 90 ANOS

Cinejornal Especial - Lucy Barreto
Horário: terça-feira, 30/05, às 13h30

Flores Raras (2013) (104')
Horário: terça-feira, 30/05, à 00h
Classificação: 14 anos
Direção: Bruno Barreto
Sinopse: 1951, Nova York. Elizabeth Bishop (Miranda Otto) é uma poetisa insegura e tímida, que apenas se sente à vontade ao narrar seus versos para o amigo Robert Lowell (Treat Williams). Em busca de algo que a motive, ela resolve partir para o Rio de Janeiro e passar uns dias na casa de uma colega de faculdade, Mary (Tracy Middendorf), que vive com a arquiteta brasileira Lota de Macedo Soares (Glória Pires). A princípio Elizabeth e Lota não se dão bem, mas logo se apaixonam uma pela outra. 

Índia, a Filha do Sol (1982) (95')
Horário: quarta-feira, 31/05, à 00h
Classificação: 16 anos
Direção: Fábio Barreto
Sinopse: Nuno Leal Maia interpreta um cabo do Exército que é encarregado de resolver determinadas irregularidades em um garimpo, em Goiás. Lá, Put’Koi (Glória Pires), se apaixona por ele e ambos vivem um grande amor. Mas a cobiça do soldado para ficar com as pedras preciosas pode atrapalhar o romance.

Amor Bandido (1978) (95')
Horário: quinta-feira, 01/06, à 00h
Classificação: 18 anos
Direção: Bruno Barreto
Sinopse: O investigador policial Galvão está trabalhando em dois casos. Enquanto investiga o serial killer que vem assassinando taxistas, ele procura por sua filha Sandra, que foi expulsa de casa no início da adolescência. Os trabalhos se misturam quando o assassino se envolve com Sandra. 

Bossa Nova (2000) (95’)
Horário: sexta-feira, 02/06, à 00h
Direção: Bruno Barreto
Classificação: 12 anos
Sinopse: A ex-aeromoça Mary Ann Simpson mora no Rio de Janeiro desde que seu marido faleceu, dando aulas em um curso de inglês. Em seu trabalho, ela lida com vários alunos, como o craque de futebol do Flamengo e da Seleção Brasileira, Acácio, e o advogado Pedro Paulo, ambos apaixonados por ela. 

O Caminho das Nuvens (2003) (115’)
Horário: sábado, 03/06, à 00h
Direção: Vicente Amorim
Classificação: 10 anos
Sinopse: O caminhoneiro Romão luta para sustentar sua mulher Rose e os cinco filhos. A família começa uma jornada de mais de três mil quilômetros do interior da Paraíba até o Rio de Janeiro de bicicleta.  

O Que É Isso, Companheiro? (1996) (110’)
Horário: domingo, 04/06, à 00h
Direção: Bruno Barreto
Classificação: 14 anos
Sinopse: O jornalista Fernando (Pedro Cardoso) e seu amigo César (Selton Mello) abraçam a luta armada contra a ditadura militar no final da década de 60. Os dois se alistam num grupo guerrilheiro de esquerda e, em uma das ações, César é ferido e capturado pelos militares. 

O Romance da Empregada (1988) (90')
Horário: segunda-feira, 05/06, à 00h 
Direção: Bruno Barreto
Classificação: 18 anos
Sinopse: Apesar da vida dura, a empregada doméstica Fausta sonha em ser feliz e conquistar melhores condições de vida. Enquanto isso, trabalha para uma patroa exigente e aguenta o marido desempregado e bêbado, até que ela conhece um homem mais velho, que quer viver junto a ela. 

Bye Bye Brasil (1976) (112’)
Horário: terça-feira, 06/06, à 00h
Direção: Cacá Diegues
Classificação: 18 anos
Sinopse: Uma trupe de artistas ambulantes viaja pelo interior do Brasil. Um caminhão transporta a Caravana Rolidei e suas atrações: Salomé, a dançarina; Lorde Cigano, o mágico e Andorinha, o Rei dos Músculos.

O Quatrilho (1995) (121’)
Horário: quarta-feira, 07/06, à 00h
Direção: Fábio Barreto
Classificação: Livre
Sinopse: Celebra-se o casamento de Ângelo e Teresa. Com o passar do tempo, porém, Teresa perde o encanto. Mássimo chega ao povoado e, quando a encontra, não consegue esconder a imediata atração que sente..

Grupo Corpo 30 Anos - Uma Família Brasileira (2006) (80') 
Horário: quinta-feira, 08/06, à 00h
Direção: Fábio Barreto e Marcelo Santiago
Classificação: Livre
Sinopse: O documentário comemora os 30 anos de fundação do Grupo Corpo, uma das companhias de dança mais célebres do país, responsável pela criação do espetáculo Onqotô com trilha sonora de Caetano Veloso e José Miguel Wisnik. O filme acompanha a criação do espetáculo e suas turnês e conta com depoimentos de artistas e críticos nacionais e internacionais.

Nenhum comentário:

Crítica Filme "Ferrari" por Rita Vaz

Estreia nesta quinta-feira o filme “Ferrari” dirigido pelo cineasta Michael Mann, que também já dirigiu grandes produções, como “O Último do...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba