Crítica Filme "Plano A" por Rita Vaz (Estreia nesta quinta 01/12).

Estreia nesta quinta-feira, o ótimo drama “Plano A”, sob direção dos irmãos Doron e Yoav Paz.

Se você pensa que vai assistir a mais um filme sobre a segunda guerra mundial, está bastante enganado.

“Plano A” conta uma história, baseada em fatos reais, do tempo que compreende o final da segunda guerra, exatamente no ano de 1945.

E se você pensar bem, existem poucos filmes sobre o assunto, aliás, poucos filmes que mostrem o ponto de vista de quem sobreviveu a ela, e ficou por lá, em meio aos escombros, fome e violência.

Na trama conhecemos Max (August Diehl), um judeu sobrevivente do Holocausto, que conhece um grupo radical, de também judeus sobreviventes, que formam um tipo de resistência, e que planejam se vingar dos alemães, em alta escala, envenenando o sistema de água em várias cidades da Alemanha ocupada, em retaliação ao Holocausto e outros crimes cometidos durante a guerra.

O filme mostra como as pessoas estavam vivendo aquela época, ainda e obviamente, com muito medo, fome, desconfianças e necessidades diversas.

A situação caótica em que essas pessoas passaram a viver “livres”, era somente um viés, diante de tudo o que haviam passado, principalmente por terem visto seus familiares, seus amores, sendo assassinados, por nada.

Os diretores montam uma trama, em que conseguimos entender o lado obscuro em que todos viviam no pós-guerra, com um ódio e uma tristeza imensa, que só fazia crescer o angustiante desejo de vingar, cada um dos seus, tamanha foi a brutalidade daquelas milhares de mortes.

O elenco está ótimo no papel, com uma caracterização excelente, com uma maquiagem carregada, que mostra muito bem a face do medo e do terror, de cada personagem.

“Plano A” é um filme para adultos, pois mostra de forma clara como muitas coisas aconteceram na época, e deve ser assistido por todos, para que vejam e conheçam uma realidade, que muitas vezes querem apagar da memória das pessoas.

“Plano A” é um filme comovente, que te leva a sentir muitas emoções, algumas contraditórias, mas, como sabemos pela própria história, que esse plano não se concretizou, fica mais uma prova de que o amor, a esperança e o respeito ao próximo, sempre vencem.

Super recomendo, principalmente para quem gosta do tema/gênero.

 

 

Nenhum comentário:

Canal Brasil reexibe episódios de "O Papel da Vida", conduzidos por Marina Person

“ O Papel da Vida ”, programa apresentado por Marina Person durante 2 anos no Canal Brasil, terá alguns episódios reprisados a partir de seg...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba