Larissa Vereza e Emiliano Ruschel assinam a direção do filme “Memórias Ocultas”

 


Ainda em processo de filmagem, o longa-metragem “Memórias Ocultas”, de Larissa Vereza e Emiliano Ruschel, se passa em três países: Los Angeles, França e Rio de Janeiro. Com produção de L?Atelier Films e Ruschel Studios, em co-produção com A2 Filmes e Focu Filmes, o filme tem previsão de estreia para o segundo semestre de 2022 e conta com Carlos Vereza e Analu Prestes na linha de frente do elenco, além também dos próprios diretores.

 

O primeiro e principal questionamento do filme é “É possível acessar o futuro para modificar o presente?”, que traz em sua narrativa temas como espaço e tempo e o fenômeno da EQM através de um grupo de cientistas que tentam decodificar a teoria através de experiências. No centro da história, está a brasileira radicada em Los Angeles, Sophie, vivida por Larissa Vereza, que vê sua vida virada de cabeça para baixo quando, após um inesperado encontro, acorda em uma realidade paralela na França.

 

Atriz, cantora, roteirista e diretora brasileira, Larissa Vereza, filha do renomado Carlos Vereza, vive entre o Rio de Janeiro e Los Angeles. Há pouco tempo abriu sua produtora, L?Atelier Films, com foco em criação de conteúdo audiovisual feito por mulheres com apelo internacional. Além de “Memórias Ocultas”, também está desenvolvendo a série “Crime na Ilha Grande”, criada pela artista e co-produzida com a Ocean Films e direção de Heitor Dhalia. Recentemente lançou seu primeiro livro, “Como Tirar Seu Visto O1 e Se Mudar para Hollywood”, sobre sua experiência em Los Angeles, onde morou por 6 anos e acaba de participar da novela Um Lugar ao Sol, como Soraya.

 

Já Emiliano Ruschel, ator e diretor da Ruschel Studios, vive momento de muitas celebrações: a parceria da sua produtora com a distribuidora americana Great Movies e também com a A2 Filmes (uma das líderes em nacionalização e distribuição na América Latina). Juntos farão três longa-metragens. Atualmente ele está em gravação também do filme “Secrets” ao lado de Danni Suzuki, Sammy Lee, Pri Vaz, Carlos Takeshi, Monique Lafond e o ator inglês David Herman.

 

“Memórias Ocultas” ainda conta com uma equipe e atores de peso, com os premiados diretores de fotografia, Ricardo Rheingantz e Eli Arenson, que acaba de fotografar o longa Lamb da A24 e a terceira temporada ainda inédita de Trapped, do Netflix, o renomado diretor de arte José Dias, e os atores americanos Steve Tom (Dumb and Dumber To), Nancy Youngblut (Rebel) e Del Hunter-White (Colony).

Nenhum comentário:

Crítica Filme "Trem-Bala" por Rita Vaz

  Estreia nesta quinta-feira, dia 4 de agosto o filme “Trem Bala” sob a direção de David Leitch (“Dead Pool 2”, “Atômica”, “John Wick” e out...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba