Crítica Filme "Nasce Uma Estrela" - Rita Vaz



“Nasce Uma Estrela” chega aos cinemas em sua quarta versão completamente atualizada e com dois protagonistas de peso.

Nas versões anteriores, as de 1937, 1954 e 1977 grandes astros também protagonizaram a mesma história de amor, que encanta plateias com seu romance e sua trilha musical.

Aliás, esse é um dos pontos altos dessa história, que traz novas performances, novos clipes que, com certeza, estarão na lista do Oscar 2019.

A premissa se mantém, o cantor de sucesso Jackson Maine, conhece casualmente, a jovem cantora Ally em um bar.
Ela trabalha como garçonete em um restaurante para pagar as contas e canta nesse bar.

Maine fica encantado com o talento dela e rapidamente a convida para o seu show, ele quer ajuda-la em sua carreira.

Uma grande história de amor se inicia, cheia de encantamentos de ambos os lados, mas enquanto a carreira dela cresce exponencialmente, a de Maine, perde o rumo, devido ao vício dele em drogas e álcool.

Sim, já conhecemos a história e sabemos como ela acaba, mas como ela é contada, em cada longa, é que faz a diferença.

Bradley Cooper, além de protagonizar o longa, também estreia na direção, e ele surpreende. Ele entrega um filme bem feito, tem uma ótima atuação, e acaba se revelando mesmo, como um bom cantor.

Seu par romântico é protagonizado, por ninguém mais, ninguém menos que Lady Gaga, a rainha pop que tem uma voz colossal e arrasa no filme, tanto como cantora, como atriz.

Aliás, se existisse uma categoria no Oscar de “melhor atriz revelação” ela, com certeza, ganharia.
A trilha sonora do longa está belíssima, com letras, músicas e performances que chegam a arrepiar.

Mas, apesar de todos esses acertos, faltou alguma coisa na trama, pois eu, em particular, não fui arrebatada pela história. Talvez pela repetição da mesma, ou pelo tempo de projeção, duas horas e dezesseis minutos.

Apesar disso, a história é muito bonita (e triste), as canções são belíssimas e o romantismo do casal é convincente.

Então, se você é fã da Lady Gaga, do Bradley Cooper, de histórias de amor ou de lindas canções, você tem motivos diversos para assistir esse filme.

Não esqueça que ele já é um clássico do cinema mundial.

Título Original: A Star Is Born
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 2 horas e 16 minutos 
Ano de Lançamento: 2018
Direção: Bradley Cooper
Elenco: Bradley Cooper, Lady Gaga, Sam Elliott, Andrew Dice Clay, Rafi Gavron, Anthony Ramos, Dave Chappelle, Ron Rifkin.


Nenhum comentário: