Premiados do Primeiro Festival de Cinema de São Bernardo do Campo

 


O Festival de Cinema de São Bernardo do Campo de 2023, chegou ao fim na noite do último sábado, 02 de dezembro, no CENFORPE Ruth Cardoso, para um público de mais de 1000 pessoas, que estiveram na festa de premiação e prestigiaram a iniciativa da organização.

O primeiro Festival Cinema da cidade, teve como destaque homenagens as atrizes Léa Garcia e Eliane Lage com o troféu "Peróla Negra - Ruth de Souza". Léa foi representada pelo seu filho Marcelo Garcia. Eliane Lage, 95 anos, enviou um recado carinhoso por vídeo, que foi exibido no telão.

A noite contou com o ator Samuel de Assis como Mestre de Cerimônia.

Antes do início da premiação foi exibido um trecho do curta-metragem documental "Obras Novas - Evolução de uma Indústria" (Lima Barreto, 1953) produzido pela Cia. Vera Cruz, sobre a construção dos lendários estúdios da Cinematográfica Vera Cruz.

O longa CICLO, de Ian SBF , foi um dos destaques da noite e levou quatro troféus para casa, o de melhor roteiro, melhor som, melhor direção de arte e de melhor caracterização. Mais Pesado é o Céu, de Petrus Cariry, recebeu dois prêmios, de melhor filme e melhor fotografia. A atriz Sophia Abrahão, de Letícia, dividiu o de melhor atriz com Joana de Verona, de Tinnitus. Raymundo de Souza, foi o melhor ator por Horizonte. Nívea Maria foi escolhida como melhor atriz coadjuvante junto do ator Paulo Verlings como melhor ator coadjuvante, ambos por Capitão Astúcia. O Faixa Preta – A verdadeira história de Fernando Tererê, ganhou o troféu de melhor filme pelo Júri Popular, que foi entregue por Orlando Morando, prefeito de São Bernardo do Campo. 

"Estou muito feliz e grato com o resultado conquistado. Grandes filmes e artistas foram premiados nesta primeira edição na terra do cinema brasileiro, dos lendários estúdios cinematográficos da Cia. Vera Cruz. A cidade, com este DNA, sempre mereceu um festival de alto nível e assim o fizemos. São Bernardo do Campo será novamente reconhecida como a capital do cinema brasileiro. A população orgulhosa, aguarda com grande expectativa pela próxima edição do festival em 2024." comenta  RUDY SERRATI, idealizador do Festival

Ao longo do evento foram exibidos 80 filmes ente curtas e longas-metragens em duas mostras competitivas. 

Confira abaixo os longas que competiram e os vencedores da primeira edição do Festival de São Bernardo do Campo:

MOSTRA COMPETITIVA TERRA DO CINEMA
(TROFÉU TERRA BERNARDO DE OURO)

LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO BRASILEIRO

MELHOR FILME: MAIS PESADO É O CÉU
MELHOR FILME JÚRI POPULAR: O FAIXA PRETA - A VERDADEIRA HISTÓRIA DE FERNANDO TERERÊ
MELHOR ROTEIRO: CICLO
MELHOR DIREÇÃO: LETÍCIA
MELHOR DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA: MAIS PESADO É O CÉU
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: CICLO
MELHOR ATOR: RAYMUNDO DE SOUZA por HORIZONTE
MELHOR ATOR COADJUVANTE: PAULO VERLINGS por CAPITÃO ASTÚCIA
MELHOR ATRIZ: SOPHIA ABRAÃO por LETÍCIA e JOANA DE VERONA por TINNITUS
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE: NÍVEA MARIA por CAPITÃO ASTÚCIA
MELHOR EDIÇÃO/MONTAGEM: TINNITUS
MELHOR DESENHO DE SOM: CICLO
MELHOR FIGURINO: TINNITUS
MELHOR CARACTERIZAÇÃO: CICLO

  • CAPITÃO ASTÚCIA - Direção: Filipe Gontijo: 2 PRÊMIOS
  • CICLO - Direção: Ian SBF: 4 PRÊMIOS
  • HORIZONTE - Direção: Rafael Calomeni: 1 PRÊMIOS
  • LETÍCIA - Direção: Cristiano Vieira: 2 PRÊMIOS
  • MAIS PESADO É O CÉU Direção: Petrus Cariry: 2 PRÊMIOS
  • O FAIXA PRETA - Direção: Caco Souza: 1 PRÊMIO
  • TINNITUS - Direção: Gregorio Graziosi: 3 PRÊMIOS

LONGA-METRAGEM DE DOCUMENTÁRIO BRASILEIRO

MELHOR FILME: BEM-VINDOS DE NOVO: Direção de Marcos Yoshi
MENÇÃO HONROSA: ROSA - A NARRADORA DE OUTROS BRASIS: Direção de Libario Mateus Nogueira do Carmo e Valmir Moratelli Cassaro

LONGA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO BRASILEIRO

MELHOR FILME: BIZARROS PEIXES DAS FOSSAS ABISSAIS com Direção de Marcelo Marão

CURTA-METRAGEM DE FICÇÃO BRASILEIRO

MELHOR FILME: O PRAZER É TODO MEU - Direção Vanessa Sandre
MELHOR ROTEIRO: ELA MORA LOGO ALÍ - Direção Rafael Rogante e Fabiano Barros
MELHOR DIREÇÃO: O PRAZER É TODO MEU - Direção Vanessa Sandre
MELHOR DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA: EM NOME DO PAI - Direção Diego Müller
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: A MORTE DO FUNCIONÁRIO - Direção Guilherme Pau y Biglia
MELHOR ATOR: PAULO BETTI por A SOMBRA DA TERRA - Direção Marcelo Domingues
MELHOR ATRIZ: AGRAEL DE JESUS PEREIRA por ELA MORA LOGO ALÍ - Direção Rafael Rogante e Fabiano Barros
MELHOR EDIÇÃO/MONTAGEM: VÃO DAS ALMAS - Direção Edileuza Penha de Souza e Santiago Dellape
MELHOR DESENHO DE SOM: FIRMINA - Direção Izah Neiva
MELHOR FIGURINO: A SOMBRA DA TERRA - Direção Marcelo Domingues
MELHOR CARACTERIZAÇÃO: CAÍDO - Direção Alexandre Estevanato

CURTA-METRAGEM DE FICÇÃO REGIONAL

MELHOR FILME: O ANIVERSÁRIO DO SEU LAIR
Direção: Dácio Pinheiro

CURTA-METRAGEM DE DOCUMENTÁRIO BRASILEIRO

MELHOR FILME: A ALMA DAS COISAS
Direção: Douglas Soares e Felipe Herzog

CURTA-METRAGEM DE DOCUMENTÁRIO REGIONAL

MELHOR FILME: BONITA
Direção: Mariana França

CURTA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO BRASILEIRO

MELHOR FILME: CURACANGA
Direção: Mateus Di Mambro

MOSTRA COMPETITIVA TERRA BERNARDO
(TROFÉU TERRA BERNARDO)

CURTA-METRAGEM DE FICÇÃO BRASILEIRO
MELHOR FILME DE ATÉ 7 MIN: IRÃ
Direção: Iferrdo

CURTA-METRAGEM DE FICÇÃO REGIONAL
MELHOR FILME DE ATÉ 7 MIN: SALA VERMELHA
Direção: Manrick Fernando

CURTA-METRAGEM DOCUMENTAL BRASILEIRO
MELHOR FILME DE ATÉ 7 MIN: A LENDA DO CAVALEIRO DA MEIA NOITE E OUTRAS HISTÓRIAS
Direção: Celine Billard

CURTA-METRAGEM DOCUMENTAL REGIONAL
MELHOR FILME DE ATÉ 7 MIN: AMAR A ILHA
Direção: Isabela Alves

CURTA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO BRASILEIRO
MELHOR FILME DE ATÉ 7 MIN: CADIM
Direção: Luiza Pugliesi Villaça

Importante destacar o intenso trabalho dos curadores (1.089 filmes inscritos), que atuaram em conjunto com o também curador e idealizador do festival Rudy Serrati: Ivann Willig e Vitor Coldibelli; ao time de jurados: Andrea Cursino, Carissa Vieira, Celso Sabadin, Bruno Carmelo, Edu Felistoque, Fernando Camargo, Bianca Muller, Lucas Popeta, Luiz Antônio Pillar, Maria Emília, Rogério Machado e Tales Ordakji; além do apoio dos alunos, professores e gestores da escola de cinema pública da cidade, o "CAV – Centro Audiovisual" de São Bernardo do Campo. 

Instagram: @festivaldecinemadesaobernardo
Website: www.terrabernardo.com.br
Fotos: Divulgação/Festival de Cinema São Bernardo do Campo

Nenhum comentário:

Canal Brasil reexibe episódios de "O Papel da Vida", conduzidos por Marina Person

“ O Papel da Vida ”, programa apresentado por Marina Person durante 2 anos no Canal Brasil, terá alguns episódios reprisados a partir de seg...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba