Gustavo Spolidoro filma UMA CARTA PARA PAPAI NOEL assinado pela Okna Produções

 


UMA CARTA PARA PAPAI NOEL é a nova produção da Okna e o sexto longa do premiado realizador Gustavo Spolidoro. O filme conta uma história de Natal, é voltado ao público infantil e família, e será distribuído, no Brasil, pela Pandora Filmes.

 

No roteiro, assinado por Spolidoro e Gibran Dipp, Papai Noel (José Rubens Chachá) recebe uma carta de Jonas (Caetano Rostro Gomes), um menino órfão de 8 anos que vive em uma casa de acolhimento. Jonas pergunta sobre como é a vida de Noel quando não está entregando presentes, o que o deixa muito emocionado. O menino também revela que nunca recebeu presentes no Natal. Esta é a motivação que faz Noel viajar ao Brasil para descobrir este mistério, afinal, ele sempre entregou os presentes de Jonas. Ele conta com o apoio da sua companheira, Maria Noel (Totia Meireles), e de Tata (Polly Marinho), sua principal ajudante. Noel e as crianças da casa de acolhimento, que tem Leia (Elisa Volpatto) como diretora, criam um forte laço de amizade, mas a construção dessa cumplicidade será repleta de obstáculos. Nessa jornada, todos irão redescobrir o verdadeiro significado do Natal.

 

A produção inaugura o braço de desenvolvimento de conteúdo para o público família, infantil e infanto-juvenil da Okna. E dá continuidade ao trabalho já realizado por Spolidoro para estas audiências.

 

O projeto nasce de uma reflexão de Spolidoro, com sua filha Aimée. A menina, quando pequena, perguntou: "O que o Papai Noel faz nos outros 364 dias do ano?”. Foi então que eles se deram conta de que as crianças apenas escrevem cartas pedindo presentes. “Aimée fez essas e muitas outras perguntas em uma quase tradicional cartinha de Natal – e despertou em mim uma dúvida genuína”, conta Spolidoro.

 

Para o filme, a produção pesquisou mais de 400 crianças até encontrar as cinco principais. Além de Caetano, os protagonistas infantis são Lívia Borges Meinhardt, Mariana Lopes, Theo Goulart Up e Cecilia Guedes. O grupo foi preparado por Adriano Basegio, ao longo de 2 meses antes das filmagens. O resultado, aponta Spolidoro, é um elenco mirim afiado e comprometido. “As crianças conseguem viver os personagens graças ao trabalho prévio de preparação e seleção que envolveu toda a equipe da Okna desde o início do ano em busca dos atores. Eles vivem a cena sem qualquer problema mesmo com 50 pessoas olhando para eles, e também trazem várias nuances na interpretação”.

 

José Rubens Chachá dá vida a um Papai Noel encantador, com profundidade nos sentimentos e muita vitalidade para as aventuras. Totia Meirelles faz a uma Mamãe Noel jovial e empreendedora. O humor de Polly Marinho constrói uma Tata irreverente. E Elisa Volpatto interpreta uma Leia cheia de nuances.

 

As filmagens começaram em 17 de outubro e vão até 27 de novembro. A produção tem como sedes as cidades de Porto Alegre e Viamão, no Rio Grande do Sul. “A maior parte dos nossos cenários foram construídos em estúdio, pois dessa forma conseguimos dar vida a um universo fantasioso e muito criativo. Outro diferencial são os efeitos visuais, presentes em quase todo o filme”, afirma Aletéia.

 

Tiago Retamal assina a direção de arte e Pedro Marques, a supervisão de efeitos. Bruno Polidoro (A Primeira Morte de Joana) é o diretor de fotografia. A montagem ficará a cargo de Pablo Riera (A Teoria dos Vidros Quebrados). A produção executiva é de Aletéia Selonk, Graziella Ferst, Marlise Aúde e Gina O'Donnell.

 

UMA CARTA PARA PAPAI NOEL conta com financiamento da ANCINE através do FSA - Concurso de produção para Cinema 2018 modalidade A. Ainda na etapa de desenvolvimento o projeto foi um dos dez selecionados para participação no pitching no Mercado de Ideias Audiovisuais – INTERNACIONAL – em 2018, em São Paulo.

 

Sinopse

Jonas, um menino órfão de 8 anos que vive em uma casa de acolhimento, nunca ganha presente no Natal. Preocupado, ele escreve uma carta para Papai Noel, mesmo que seus amigos Beca, Pri, Alana e Cabeleira debochem da ingenuidade: ”Só o Jonas pra acreditar que esse ano ia ser diferente. Papai Noel só vai na casa de quem tem dinheiro, família, essas coisas”. Ao receber a carta de Jonas perguntando sobre o que Noel gosta de fazer, de comer e como é sua vida quando não é Natal, Noel se emociona. Jonas conta que nunca recebe presente no Natal e, então, Papai Noel entra em ação para descobrir o motivo. Noel se disfarça de Leon - o Conserta-Tudo e, junto com Maria Noel e com a ajudante Tata, parte para investigar o mistério. Enquanto explora a casa de acolhimento, Noel começa a ser vigiado por Léia, a diretora do lugar. Léia começa a desconfiar de Noel, criando dificuldades para ele e a garotada. Noel e as crianças criam um forte laço de amizade, mas a construção dessa cumplicidade será repleta de obstáculos. Nessa jornada, todos irão redescobrir o verdadeiro significado do Natal.

 

Nenhum comentário:

Canal Brasil reexibe episódios de "O Papel da Vida", conduzidos por Marina Person

“ O Papel da Vida ”, programa apresentado por Marina Person durante 2 anos no Canal Brasil, terá alguns episódios reprisados a partir de seg...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba