Julia Svacinna é uma das estrelas da adaptação cinematográfica do livro "Fazendo meu Filme", da autora Paula Pimenta


A atriz e cantora, que vai interpretar Natália no longa, começou a carreira muito cedo, com apenas 6 anos e já participou das novelas "Guerra dos Sexos", "Império" e "Além do Tempo". No cinema foi uma das estrelas de "Um Tio Quase Perfeito"

Julia Svacinna  começou aos 6 anos de idade. O encantamento pelos palcos foi imediato e iniciou ali sua carreira. São mais de 20 trabalhos no currículo. Em 2012 fez a estreia nas novelas em “Guerra dos Sexos”, em 2014 participou de “Império” e no ano de 2015 de “Além do Tempo”, todas da TV Globo . Ela também participou de “Detetives do Prédio Azul”, “A Cara do Pai” e na Netflix fez a série “O Mecanismo”. No cinema,  foi destaque nos filmes “Um Tio Quase Perfeito” e "Kardec: A História por Trás do Nome". Em 2022 Julia se prepara para voltar às telonas na adaptação do livro "Fazendo meu Filme", da escritora Paula Pimenta.

Agora, a atriz se prepara para a estreia de “Fazendo Meu Filme”, onde interpreta Natália, um dos personagens principais da trama. Julia Svacinna não esconde a felicidade e o orgulho por tantas conquistas.

“Quando chegou o convite para fazer a Natália, eu nem sabia o que falar. Já tinha lido o livro antes e quando eu li a descrição da Nat, mesmo com 8 anos na época, eu pensei: Nossa, como ela é parecida comigo. Eu fiquei extremamente feliz com essa oportunidade, eu já gostava da Natália antes, mas depois de vivê-la e consequentemente conhecê-la melhor, ela virou uma das minhas personagens favoritas da vida”

“O filme está incrível, muito divertido e vocês vão amar! Claro que as coisas são adaptadas dos livros para os filmes, mas eu diria que a essência da história como um todo e de cada personagem permaneceu. Eu assistiria o filme diversas vezes  sem nem pensar. Estou muito animada para ver o resultado final.”

Sobre  a Natália, Júlia Svacinna conta que o filme vai trazer uma nova perspectiva da personagem. “A Nat é uma menina muito cheia de personalidade. Ela sabe muito bem quem ela é  e tem opiniões bem fortes. A Natália é a amiga doidinha que todo mundo amaria ter , cheia de energia, e sempre com uma boa fofoca. Definitivamente seríamos amigas na vida real”.

Aliás, “Fazendo Meu Filme” traz ainda Bela Fernandes, Giovanna Chaves, Samara Felippo, Pamela Tomé, Caio Paduan e Luca Ribeiro, entre outros.

Julia Svacinna fala dos amigos em cena, como era o entrosamento:

“Devo ser sincera que estava preocupada do elenco não se dar bem, mas foi tão incrível que parecia que nos conhecíamos desde sempre. Foi um período muito intenso de nossas vidas e acredito que os laços criados ali vão ser levados para sempre. Nos divertimos muito nos bastidores e acho que essa conexão foi extremamente importante para o filme.”

Sucesso no cinema

 Nos filmes "Um Tio Quase Perfeito" 1 e 2 Júlia teve a experiência de viver a sua primeira co-protagonista. No primeiro filme, com apenas 11 anos, e no segundo com 14, a atriz afirma que teve as experiências mais intensas da  carreira. Ela também participou de "A Menina Índigo"  e “Kardec”, mas acredita que “Fazendo Meu Filme” foi muito importante pois agora tem mais maturidade:

“Consegui ver tudo com um outro olhar, graças ao amadurecimento que vem com o passar dos anos. Com 16 a gente não vê mais o mundo da mesma forma de quando tinha 11. Mas tudo continua sendo mágico pra mim, principalmente, por me trazer de volta ao trabalho depois de uma pandemia mundial”.


Música

 Atriz, compositora, cantora e criadora de conteúdo. São tantas funções que, para Júlia Svacinna, só são possíveis se forem feitas com muito amor.

"A música sempre fez muito parte de mim. Eu sou muito apaixonada por compor, porque é a maneira como eu consigo entender melhor os meus sentimentos, e nessa pandemia botar pra fora me fez muito bem. Foi interessante porque foi como um processo terapêutico de tratar traumas e experiências antigas, mas sempre com o meu ponto de vista atual aparecendo na música, além de  outras músicas sobre os acontecimentos mais atuais. Eu acho que uma música sempre pode ser interpretada de acordo com o que você está sentindo e isso é o mais bonito.”

Youtube

Julia Svacinna também investiu em seu canal do Youtube e lá posta covers e suas músicas autorais.

“Estamos preparando muitas novidades ainda para esse ano. Acho que vai ser uma forma de vocês conseguirem me conhecer melhor através da música.

Futuro

“Tenho muitos projetos que aos poucos estão começando a tomar forma. Eu já tenho 2 músicas lançadas, "Minha Carta” e “Mundo Paralelo”, elas foram muito importantes pra quem eu era e pra quem eu estou me tornando. Estou muito animada e ansiosa para compartilhar com vocês essa minha nova fase. Logo logo eu vou poder dar mais detalhes. Vocês vão adorar.”

Nenhum comentário:

‘EDUARDO E MÔNICA’ estreia nos cinemas brasileiros no dia 6 de janeiro

  Inspirado nos populares personagens criados por Renato Russo na canção ‘Eduardo e Mônica’, o longa-metragem homônimo estreia nas telonas d...