SESC DIGITAL RECEBE FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA LGBTI+ COM PROGRAMAÇÃO ONLINE E GRATUITA PARA TODO O PAÍS

 


De 2 a 8 de setembro de 2021, a plataforma Sesc Digital recebe o 6º Festival Internacional de Cinema LGBTI+, com exibição gratuita de 20 filmes de 16 países diferentes, cuidadosamente selecionados para dar visibilidade e promover a pauta LGBTQIA+ através do cinema. O evento tem a correalização da Delegação da União Europeia e do Sesc São Paulo, e a programação pode ser acessada através do site sescsp.org.br/cinemalgbti.

Por mais um ano, missões diplomáticas em Brasília se unem para produzir o festival e, por meio dele, embaixadas e instituições participantes reafirmam o seu compromisso com a igualdade e a dignidade de todos os seres humanos, independentemente da sua orientação sexual e identidade de gênero.

O público brasileiro poderá assistir a 11 longas e 9 curtas-metragens, de diversas nacionalidades e idiomas, todos com legendas em português. A luta pelos direitos das pessoas LGBTQIA+, a descoberta da própria identidade, a homofobia e transfobia, o amor entre idosos e a luta contra os convencionalismos sociais e culturais são alguns dos temas trazidos pela seleção de filmes deste ano.

Na programação, títulos premiados como “Pequena Garota”, de Sébastien Lifshitz. Eleito Melhor Documentário Francês pelo Sindicato de Críticos de Cinema da França e indicado ao prêmio de Melhor Documentário, no Festival de Berlim, o filme acompanha a pequena Sasha, de 7 anos, que sempre soube que era uma garota, embora tenha nascido menino. Com o apoio da família, ela luta para fazer com que sua diferença seja compreendida e aceita. Vencedor do Festival Internacional de Cinema de Roterdã, o drama dinamarquês “Uma Família Perfeitamente Normal”, de Malou Reymann, traz o olhar da jovem Emma que descobre que seu pai, Thomas, é transgênero. À medida que Thomas se torna Agnete, pai e filha lutam para manter o que possuíam, ao mesmo tempo que aceitam que tudo mudou. Selecionado para a Mostra Generation 14plus e indicado ao Teddy de Melhor Filme no Festival de Berlim, o longa alemão “Cocoon”, da diretora Leonie Kippendorf, retrata as primeiras experiências amorosas de Nora, uma tímida garota de 14 anos que vive em Berlim, rodeada por uma diversidade de pessoas de culturas variadas.

Verifique as datas e informações sobre os filmes, pois alguns títulos possuem limite de visualização.

Além das exibições em streaming, no dia 8 de setembro, às 19h, o festival realiza um encontro online ao vivo com representantes dos curtas brasileiros “Os Últimos Românticos do Mundo”, “Inabitáveis” e “Marie”, no canal do Festival Curta Brasília (youtube.com/FestivalCurtaBrasília).

O 6º Festival Internacional de Cinema LGBTI+ é coordenado pelas Embaixadas da Bélgica, Luxemburgo, Reino Unido e Suécia e produzido pelas embaixadas da Alemanha, Austrália, Áustria, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, França, Irlanda, Itália, Países Baixos e Suíça assim como pelo British Council e pelo Wallonie – Bruxelles International no Brasil, em correalização da Delegação da União Europeia no Brasil e do Sesc São Paulo. Conta também com o apoio do Festival Curta Brasília e da UNAIDS.

PROGRAMAÇÃO
6º FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA LGBTI+
De 2 a 8 de setembro de 2021
sescsp.org.br/cinemalgbti

 

Nenhum comentário:

Programação da Semana - Cine Passeio (23 a 29 de setembro)

  ESTREIAS EXCLUSIVAS chegam ao #CinePasseio a partir desta quinta (23)!  O grande destaque desta semana é a estreia de mais um filme de D...