Cine Clube Italiano de setembro exibe O ULTIMO PROSECCO

Em parceria com o Instituto Italiano de Cultura de São Paulo, o À LA CARTE realiza a quinta edição do Cine Clube Italiano. Entre os dias 24 e 30 de setembro, assinantes e não assinantes do streaming de filmes poderão assistir gratuitamente “O último prosecco”, de Antonio Padovan. Na quarta-feira, 29 de setembro, às 18h30, acontece no canal do YouTube do À LA CARTE um bate-papo ao vivo sobre o filme com a jornalista Neusa Barbosa e Léo Mendes, gerente de inteligência do Belas Artes Grupo.

“O último prosecco”, filme selecionado para a quinta edição do Cine Clube Italiano, é uma comédia cheia de charme e marca a estreia de Antonio Padovan na direção de longa-metragem. O filme, baseado no romance homônimo de Fulvio Ervas, foi vencedor do prêmio de Melhor Fotografia no Festival Cape Town 2017.

O último prosecco (Finché c'è Prosecco c'è speranza)

Direção: Antonio Padovan

Itália, 2017, 101min, Comédia/Mistério

Elenco: Giuseppe Battiston, Rade Serbedzija, Liz Solari

Sinopse: O filme acompanha o inspetor Stucky investigando uma série de assassinatos e o suicídio teatral de Desiderio Ancillotto, um conde que mora nas colinas de Conegliano e Valdobbiadene, em uma história que narra o conflito entre a ganância e o respeito à terra.

Sobre o Cine Clube Italiano

O Cine Clube italiano é uma programação realizada pelo streaming de filmes À La Carte e o Instituto Italiano de Cultura de São Paulo. De maio a novembro de 2021 serão realizadas sete edições mensais que trarão filmes italianos recém-lançados e inéditos no circuito comercial brasileiro que serão seguidos de uma programação especial. Os filmes tem acesso gratuito por uma semana no À LA CARTE e as programações acontecem no canal do YouTube do streaming. Para as próximas edições estão programados os filmes “O Grande Espírito/Il Grande Spirito” e “Duas Famílias/I Predatori”. 

Sobre os participantes:

Neusa Barbosa é jornalista e escritora. Trabalhou nos jornais Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo e na revista Veja S. Paulo. Criadora e editora do site Cineweb, um dos pioneiros em cinema na internet, em 2000. Foi colaboradora do jornal Valor Econômico, revista Bravo  e da agência Thomson Reuters. Membro e fundadora da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) e do coletivo Elviras de Mulheres Críticas de Cinema. Integrante do comitê de seleção do Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade desde 2006.

Léo Mendes iniciou sua experiência cinematográfica como gerente e assistente de programação no extinto Cineclube Oscarito, em São Paulo, de 1989 a 1991, passando a trabalhar na distribuidora independente Pandora Filmes, ainda em 1991, onde permanece até hoje como consultor de aquisições internacionais. Paralelamente, atuou como programador da sala de cinema do Esporte Clube Banespa, de 2002 a 2003; em outubro de 2017, assinou a curadoria da mostra “Incuráveis”, dedicada a filmes com temática LGBT no cinema Belas Artes; foi curador da exposição itinerante de cartazes cinematográficos intitulada “Um Século de Cinema em Cartaz – De 1915 a 2015”, que foi vista de 01 de agosto a 31 de outubro entre as estações Luz, Paulista e Fradique Coutinho do Metrô de São Paulo e atua como programador do Noitão Belas Artes desde 2004

Cine Clube Italiano l

Setembro: "O último prosecco"

Data: 24 a 30 de setembro (exibição do filme)

Onde: À LA CARTE

Bate-papo ao vivo: 29 de setembro, às 18h30, no canal do YouTube do À LA CARTE

Quanto: Gratuito para assinantes e não assinantes


Nenhum comentário:

MUBI promove conversas entre realizadores e acadêmicos em outubro

Para conectar ainda mais estudantes com o universo do cinema, a MUBI, distribuidora e serviço global de streaming com curadoria, promove de ...