Cinema #EmCasaComSesc - ESTREIAS DA SEMANA

 


 

Nesta semana, o Cinema #EmCasaComSesc tem a estreia exclusiva do documentário “Minha Fortaleza, Os Filhos de Fulano”, de Tatiana Lohmann

 

A plataforma também inclui em seu catálogo dois novos filmes, sendo o documentário “Pro Dia Nascer Feliz”, de João Jardim, e “Conto de Verão” em homenagem ao centenário do cineasta francês Éric Rohmer

 

Os filmes ficam disponíveis gratuitamente na plataforma do Sesc Digital em:

sescsp.org.br/cinemaemcasa

 

Nesta quinta-feira, 25 de março, a plataforma do Sesc Digital recebe no Cinema #EmCasaComSesc dois documentários que exploram o universo de jovens em diferentes cenários. “Pro Dia Nascer Feliz”, de João Jardim, mergulha na vida de adolescentes de diferentes escolas de Pernambuco, São Paulo e Rio de Janeiro, e busca, por meio de depoimentos e observação, entender os anseios e comportamentos desses estudantes. Vencedor de três categorias (Prêmio Especial do Júri, Melhor Filme Júri Popular e Melhor Música) do Festival de Gramado de 2006, o longa marca a carreira do diretor, que criou o hábito de se embrenhar pelo mundo da educação em seus filmes.

 

Já em “Minha Fortaleza, Os Filhos de Fulano”,  de Tatiana Lohman, traz a realidade de três famílias marcadas pela ausência do pai na Vila Flávia, periferia de São Paulo. A marca das mães, negras, sozinhas, e as consequências dessa falta na vida de seus filhos, jovens que apresentam os diferentes pontos de vista de gratidão e sofrimento dessas e por essas mulheres que tanto lutaram para criá-los, que traduz a realidade de tantas outras famílias no país. O filme foi um dos destaque da programação do Festival do Rio 2019 e tem estreia exclusiva na plataforma do Sesc Digital.

 

Também no dia 25, chega na plataforma o terceiro longa em homenagem aos 100 anos de Eric Rohmer e 60 do movimento Nouvelle Vague, que o diretor foi pioneiro. Em “Contos de Verão”, filme que traduz a reflexão do diretor sobre jogos amorosos, a história de Gaspar e os dramas de suas escolhas. O filme se aprofunda na efemeridade dos sentimentos e afetos.

 

Na plataforma de streaming do Sesc Digital ainda seguem disponíveis a Mostra Curta em Francês (sescsp.org.br/curtaemfrances), até 15 de abril, numa parceria da Aliança Francesa e as Embaixadas da França, Suíça e Wallonie-Bruxelles International (WBI) com o Sesc São Paulo; Mostra Futuros Presentes - Cinemas Europeus  (sescsp.org.br/futurospresentes), uma parceria do Sesc São Paulo com a Eunic (European Union National Institutes for Culture), rede de institutos culturais europeus no mundo, que visa fortalecer a colaboração entre instituições europeias e intensificar a cooperação e o diálogo com as realidades culturais locais nos países nos quais atua. Os filmes da mostra ficam disponíveis até dia 1º de abril; e a 9ª Mostra Tiradentes | SP, uma parceria entre Universo Produção e Sesc São Paulo, no ar até a próxima quarta-feira, 24 de março (sescsp.org.br/mostratiradentes).

 

PROGRAMAÇÃO CINEMA #EmCasaComSesc - 25 de março

 

Conto de Verão

Dir.: Éric Rohmer | França, EUA | 1996 | 113 min | 12 anos

Elenco:  Melvil Poupaud, Amanda Langlet, Gwenaële Simon

Sinopse: Conto de Verão é um filme sobre a efemeridade dos sentimentos, sobre a relatividade dos afetos. Acuado pela necessidade de fazer uma escolha, Gaspar aprende que os dramas mais complicados podem ser tão fugazes quanto um dia de sol na praia - aliás, cenário ideal e recorrente para a reflexão de Rohmer sobre os jogos amorosos.

 

MINHA FORTALEZA, OS FILHOS DE FULANO
Dir.: Tatiana Lohmann | Brasil | 2020 | 84 min | Documentário | 14 anos
Sinopse:
?Vila Flávia, periferia de São Paulo. Os muros grafitados imprimem um ícone soberano, a mãe negra protegendo os filhos. Três famílias marcadas pela ausência do pai: Nêgo leva tatuado no peito o retrato de dona Edith. Fernando tatuou a Virgem Maria nas costas em homenagem à mãe, dona Vera. Barão cumpre pena há oito anos e amarga a dor de fazer sofrer dona Fátima. Em lares sem pai, na favela esquecida pelo Estado, a mãe solitária adquire aura de santa guerreira.?

 

PRO DIA NASCER FELIZ
Dir.: João Jardim | Brasil | 2005 | 89 min | Documentário | Livre
Sinopse
: Definido pelo próprio diretor como “um diário de observação da vida do adolescente no Brasil em seis escolas”, PRO DIA NASCER FELIZ flagra o dia-a-dia e adentra a subjetividade de alunos e professores de Pernambuco, São Paulo e Rio de Janeiro. As entrevistas são intercaladas com sequências de observação do ambiente das escolas – meio, por sinal, bem pouco frequentado pelo documentário. Sem exercer interferência direta, a câmera flagra salas de aula, esquadrinha corredores, pátios e banheiros, testemunha uma reunião de conselho de classe (onde os professores decidem o destino curricular dos alunos “difíceis”) e momentos de relativa intimidade pessoal

 

 

Nenhum comentário:

Público poderá conferir PROIBIDO NASCER NO PARAÍSO na Globoplay e Canal GNT

Filme dirigido por Joana Nin traz à tona uma questão polêmica da ilha Estreia na Globoplay em 1º de maio, e no GNT dia 5 de maio,...