Crítica Filme "Oz - Mágico e Poderoso"


A história “O Mágico de Oz” já nos é familiar.

Baseada nos livros da “Terra de Oz” escritos por L. Frank Baum, conhecemos a menina Dorothy e seu cachorrinho Totó, que são levados por um tornado a uma terra encantada.

Para retornar ao Kansas, sua terra natal, ela precisa encontrar o poderoso Mágico Oz o único capaz de ajudá-los nessa empreitada.

O que não aparece em nem um dos quatorze volumes da história é a origem do famoso mágico.

O filme “Oz – Mágico e Poderoso” é a tentativa de explicar a sua origem.

E para nossa alegria, ela é feita com maestria e encantamento.

Oscar Diggs é um mágico de circo que não passa por seus melhores momentos, e no meio de um tumulto ele é levado por um tornado a uma terra desconhecida.

Logo que chega a esse local ele é recepcionado por Theodora, uma bruxa que diz estar esperando sua chegada há muito tempo, pois uma lenda diz que um poderoso mágico chegaria voando à terra de Oz para salvar seus habitantes das terríveis garras da Bruxa Má Glinda.

Theodora diz também que sua irmã Eleonora está disposta a oferecer o seu trono e uma imensa fortuna a quem acabar com Glinda.

A princípio ele fica relutante quanto a “acabar” com alguém, mas logo é persuadido pela fortuna que pode receber.

Para isso ele deverá seguir a estrada de tijolos amarelos, encontrar a Bruxa Má e quebrar sua varinha mágica, assim todos os habitantes da Terra de Oz estariam livres de suas garras.

Tal qual Dorothy, ao longo do caminho Oscar fará alguns amigos, um macaco falante e companheiro e uma menina de porcelana.

Durante a tarefa ele descobrirá que foi enganado, e terá que usar seus verdadeiros truques para salvar o povo de Oz e sua própria vida.

O filme começa em preto e branco e em tela menor, mostrando a realidade opressora em que o protagonista vive. Quando ele chega à Terra de Oz, o mundo fica colorido e maior como suas perspectivas.

Com um cenário belíssimo, um roteiro enxuto, uma direção segura, e muitos momentos que nos remetem à história de Dorothy, “Oz – Mágico e Poderoso” é um filme que apresenta nostalgia e modernidade ao mesmo tempo. Para quem gosta do gênero fantasia, puro deleite.

Nenhum comentário:

Conheça os vencedores do 10º CINEFANTASY realizado no Belas A La Carte

  A Mulher da Foto, Takeshi Kushida Evento aconteceu na plataforma Belas Artes à La Carte de 07 a 20 de setembro com a exibição de 140 filme...