Crítica Filme "Plano de Aposentadoria" por Rita Vaz

Estreia nesta quinta-feira o filme “Plano de Aposentadoria” dirigido pelo cineasta Tim Brown (“A Criatura Sombria “, “Uma Chance Para Recomeçar”) e que tem como protagonista, ninguém mais, ninguém menos que Nicholas Cage.

O ator hollywoodiano está fazendo vários filmes, dos mais variados gêneros, mostrando que está em alta, atuando muito bem (como sempre) e que já se tornou um símbolo pop, cult. Aplausos para ele.

Na trama do longa, conhecemos a história de Ashley (Ashley Greene) e seu marido, que rouba um pendrive, cheio de provas incriminadoras de uma organização internacional.

Logo eles são descobertos e pegos, mas, Ashley consegue escapar. Ela tem uma filha adolescente Sarah (Thalia Campbell), que também acaba ameaçada pelos bandidos.

Desesperada, Ashley é obrigada a recorrer à única pessoa que pode ajudá-las: seu pai Matt (Nicolas Cage), um homem aposentado que leva a vida nas Ilhas Cayman.

Refugiadas na ilha, elas são surpreendidas quando um chefão do crime e seu capanga as encontram.

Ausente na maior parte da vida de sua filha, Matt agora vive bebendo e dormindo nas praias locais, mas logo Ashley descobre que o passado do pai envolve segredos maiores do que ela poderia imaginar, algumas habilidades capazes de protegê-las.

“Plano de Aposentadoria” é um filme, acima de tudo divertido. E também e violento, cheio de ação, cheio de situações que são rapidamente resolvidas, e isso não é um elogio.

Nesse caso, o filme se torna raso, mas, para quem conhece a trajetória de Nicholas Cage, sabe que deve esperar exatamente isso de filmes dele, ou muito mais. Resumindo, ou o filme que ele faz é muitíssimo bom, ou é abaixo da média.

No longa em questão o que importa é o elenco que além de Cage, conta com Ron Perlman, Jackie Earle Haley, Joel David Moore, Ernie Hudson, Grace Byers, Rick Fox, Lynn Whitfield.

São figurões do cinema que estavam um pouco afastados, mas, são ícones que adoramos ver em cena.

Ron Perlman está ótimo no papel de “Bobo”, fazendo um personagem do mal, mas, bastante calmo, carinhoso, leitor de Shakespeare, completamente diferente dos seus outros personagens que são bandidos.

“Plano de Aposentadoria” é um filme de ação, violento, portanto, para maiores de idade, com uma trama interessante, mas, principalmente com um elenco de peso.

Se você quer se divertir no cinema, sem pensar muito, recomendo!

 

 

Nenhum comentário:

CineSesc de 25.04 a 1.05

                                                                   La Chimera e Dorival Caymmi são destaques no CineSesc   A semana conta co...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba