Faixa "É Tudo Verdade" volta à programação do Canal Brasil a partir de quarta, dia 5

Com curadoria de Amir Labaki, toda semana um documentário inédito chega à grade do canal


     Claudia Andujar e Davi Kopenawa em "Gyuri", de Mariana Lacerda. Crédito: Divulgação

A faixa "É Tudo Verdade", dedicada ao mais importante festival de documentários do país, está de volta ao Canal Brasil. Toda quarta-feira, a partir do dia 5 de abril, vai ao ar um documentário inédito às 20h. A curadoria da programação é do crítico de cinema, jornalista e escritor Amir Labaki, que também assina a curadoria do Festival É Tudo Verdade. No mês de abril, serão exibidos quatro filmes inéditos: "Gyuri", "7 Cortes de Cabelo no Congo", "Segredos de Putumayo" e "Amigo Secreto". 

O escolhido para abrir a faixa em 2023 é "Gyuri", de Mariana Lacerda, que conta a história de Claudia Andujar, fotógrafa que sobreviveu à Segunda Guerra Mundial e dedicou a vida à proteção dos povos Yanomami na Amazônia brasileira. O filme ainda traz os diálogos de Andujar com o xamã e líder político Yanomami Davi Kopenawa e com o ativista Carlo Zacquini, com a interlocução do filósofo húngaro Peter Pál Pelbart.

No dia 12 de abril vai ao ar "7 Cortes de Cabelo no Congo", documentário de Luciana Bezerra, Gustavo Melo e Pedro Rossi, que foi o vencedor do prêmio de melhor longa-metragem brasileiro do 11º Olhar de Cinema de Curitiba. O filme acompanha Fernando “Pablo” Mupapa, dono de um salão de beleza no subúrbio do Rio de Janeiro especializado em cortes afro, com narrativas diretamente do coração da África.

"Segredos do Putumayo", de Aurélio Michiles, será exibido dia 19 de abril, data que marca o Dia dos Povos Indígenas. O longa traz detalhes da investigação sobre denúncias de crimes contra comunidades indígenas cometidos pela empresa britânica Peruvian Amazon Company. O filme tem como base o diário de Roger Casement, responsável pela descoberta em 1910. O documentário foi eleito o melhor filme de 2022 no prêmio da Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA) e ganhou o prêmio de melhor longa-metragem da Mostra Pan-Amazônica de Cinema (Amazônia FiDOC).

O documentário "Amigo Secreto" vai ao ar dia 26 e tem direção de Maria Augusta Ramos (“O Processo”). No filme, os jornalistas Leandro Demori, Carla Jiménez, Regiane Oliveira e Marina Rossi, na época do The Intercept Brasil e do El País Brasil, acompanham os desdobramentos do vazamento de conversas entre autoridades brasileiras em 2019 que abalaram a credibilidade da Operação Lava Jato. No longa, a diretora adota três instâncias principais para sua linha narrativa: o trabalho dos jornalistas; imagens de arquivo, como o depoimento de Lula diante do ex-juiz Sergio Moro; e a costura de imagens contemporâneas de protestos e movimentações em torno de Jair Bolsonaro. 

A faixa "É Tudo Verdade" volta à programação do Canal Brasil no mesmo mês em que a 28ª edição do festival chega aos cinemas do Rio de Janeiro e de São Paulo com 72 documentários de 34 países diferentes. Entre os prêmios do festival, que acontece de 13 a 23 de abril, está o Prêmio Canal Brasil de Curtas, que dá ao vencedor R$15 mil e a exibição do curta no canal. 

Vencedor do prêmio do canal em 2022, o inédito "Cadê Heleny?", curta-metragem de Esther Vital, vai ao ar no dia 24, às 17h40. O filme traz a trajetória de Heleny Guaratiba, filósofa, professora e diretora de teatro desaparecida na época da ditadura militar brasileira. 


Gyuri (2021) (87')

INÉDITO

Horário: quarta, 05/04, às 20h

Classificação: Livre

Diretora: Mariana Lacerda

Sinopse: Claudia Andujar exilou-se no Brasil e dedicou a vida à salvaguarda dos povos Yanomami após a Segunda Guerra Mundial. Seu valioso acervo, sua militância incansável, seu passado de guerra e a vulnerabilidade atual dos indígenas são revistos por meio de diálogos de Andujar com o xamã Davi Kopenawa e o ativista Carlo Zacquini, com a interlocução do filósofo húngaro Peter Pál Pelbart.


7 Cortes de Cabelo no Congo (2022) (90')

INÉDITO

Horário: quarta, 12/04, às 20h

Classificação: 12 anos

Diretores: Luciana Bezerra, Gustavo Melo e Pedro Rossi

Sinopse: São sete cortes. Sete experiências de exílio. A República Democrática do Congo e o Brasil se reencontram com sua História em comum no Calijah, um pequeno salão de beleza no subúrbio carioca especializado em cortes afro. É de lá que Fernando “Pablo” Mupapa, o dono do salão e protagonista, acalenta e constrói seu sonho da revolução anti- imperialista junto à sua comunidade. São narrativas diretamente do coração da África e que têm muito a ensinar sobre os poderes que dominam o mundo contemporâneo.


Segredos do Putumayo (2020) (83')

INÉDITO

Horário: quarta, 19/04, às 20h

Classificação: 14 anos

Diretor: Aurélio Michiles

Sinopse: Em 1910, o Cônsul Geral Britânico no Rio de Janeiro, Roger Casement, empreendeu uma investigação sobre as denúncias de crimes contra comunidades indígenas cometidos pela empresa britânica Peruvian Amazon Company. Baseado em seu diário perturbador, Segredos de Putumayo traça a imagem da angustiante descoberta por Casement de um sistema industrial-extrativo baseado em assassinatos e trabalho escravo no meio da selva amazônica. No filme, a voz de Casement é interpretada pelo ator Stephen Rea.


Cadê Heleny? (2022) (29')

INÉDITO

Horário: segunda, 24/04, às 17h40

Classificação: 18 anos

Diretora: Esther Vital

Sinopse: O documentário resgata a trajetória de vida de Heleny Guariba, filósofa, professora e diretora de teatro desaparecida em 1971, sob a ditadura militar brasileira. Inspira-se nas arpilleras, uma forma de protesto singular que surgiu no Chile em resposta aos horrores do regime militar de Pinochet. Com tapeçarias feitas de retalhos de tecido e pontos simples, essas mulheres denunciavam o que não podia ser dito em palavras.


Amigo Secreto (2022) (130')

INÉDITO

Horário: quarta, 26/04, às 20h

Classificação: 12 anos

Diretora: Maria Augusta Ramos

Sinopse: Em 2019, um vazamento de conversas entre várias autoridades do Brasil abala a credibilidade da Operação Lava Jato. Em meio à crise, quatro jornalistas acompanham os desdobramentos do caso, numa sequência de situações que coloca a democracia brasileira em risco.

Nenhum comentário:

Lifetime Movies exibe programação especial de quatro dias em comemoração ao Dia Internacional do Livro

LIVROS, CÂMERA, AÇÃO! apresenta produções inspiradas em sucessos literários a partir do dia 23/4 O Jardim dos Esquecidos ESPECIAL DIA INTER...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba