Documentário ‘A Artista e o Ladrão’, vencedor do Prêmio do Júri no Festival de Sundance, ganha data de estreia no Brasil.

 


PRODUÇÃO NORUEGUESA ESTREIA EM MAIO NAS PLATAFORMAS DIGITAIS

 

O filme documental “A Artista e o Ladrão”, vencedor do Prêmio Especial do Júri no Festival de Sundance 2020 na categoria Escrita Criativa, já tem data de estreia no Brasil. O longa norueguês chega às plataformas digitais para compra e aluguel em 7 de maio, com distribuição da Synapse Distribution. Nesta poderosa história real, a artista tcheca Barbora Kysilkova decide ir atrás de Karl-Bertil Nordland, o ladrão responsável pelo roubo de suas pinturas mais valiosas. Quando o encontra, eles se aproximam e formam um inesperado vínculo.  Assista ao trailer neste link.

Dirigido por Benjamin Ree, o drama propõe uma discussão sobre arte, inspiração e humanidade ao trazer os verdadeiros acontecimentos da relação de compaixão e amizade entre a artista e o viciado em drogas e ladrão. “Sempre fui fascinado por roubo de arte. Acho que por conta dos contrastes que levantam algumas questões que me intrigam. Quem são esses ladrões? Como eles escolhem as pinturas? É por dinheiro ou por um amor genuíno pela arte? Esse foi o início deste projeto”, conta o diretor.

Ree pesquisou sobre diversos roubos até se deparar com a história de Barbora Kysilkova, que aconteceu em 2015. “Para mim, fazer cinema é estimular o nosso intelectual com perguntas e observar o comportamento humano. Espero ter conseguido levantar questões que ficarão na mente do telespectador mesmo após créditos finais.”

“A Artista e o Ladrão” é produzido Ingvil Giske (“Dugma: The Button”) e editado por Robert Stengård (“Barneraneren”).

 

Sinopse oficial:

Desesperada por respostas sobre o roubo de suas duas valiosas pinturas, a artista tcheca Barbora Kysilkova encontra o criminoso que os roubou e se aproxima dele. Depois de convidar o ladrão, Karl-Bertil Nordland, para posar para um retrato, os dois começam um relacionamento improvável que resulta em um forte vínculo que ligará para sempre essas almas solitárias.

Biografia do Diretor:

Benjamin Ree, nascido em 1989, fez 15 documentários curtos, incluindo “Dreaming of the Golden Eagle”, que estreou no Festival Internacional de Filmes e Documentários de Amsterdam (IDFA) em 2012. “Magnus”, seu primeiro documentário no formato longa-metragem, fala sobre os melhores jogadores de xadrez do mundo. A produção estreou no Festival de Cinema de Tribeca (EUA) em 2016 e foi vendido para 64 países.

Nenhum comentário:

Com vozes de Giovanna Antonelli e Murilo Benício, 'Amigos Imaginários' ganha novo trailer

Longa chega aos cinemas do país em 16 de maio Assista ao trailer DUBLADO AQUI Está no ar mais uma prévia do mundo de encanto que toma cont...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba