CineSesc segue com a votação para o 47º Festival Sesc Melhores Filmes até o dia 07 de Março

 


 

Críticos e público podem votar em suas estreias preferidas de 2020 no site

 

Festival Sesc Melhores Filmes 

 

 

 

Até o dia 7 de março  público e críticos podem votar no 47º Festival Sesc Melhores Filmes, realizado pelo CineSesc desde 1974. Na competição estão as 176 produções que estrearam no cinema em 2020, ano que ficou marcado pelo início da pandemia de covid-19, impactando diretamente o lançamento de filmes nas salas de cinema do mundo todo. 

 

A edição de 2021 está prevista para acontecer ao longo do mês de abril, com exibições em streaming, na plataforma do Sesc Digital. Na noite de abertura do festival, serão revelados nomes premiados pelo público e pela crítica especializada nas categorias de melhor filme, direção, atriz e ator nacionais e estrangeiros, e melhor roteiro, fotografia e documentário nacionais.

 

As votações devem ser realizadas no site: https://melhoresfilmes.sescsp.org.br/.

 

Serviço:

Votação do 47º Festival Sesc Melhores Filmes

Data:  até 07/03

 

O Festival Sesc Melhores Filmes

 

Criado em 1974, é o primeiro festival de cinema da cidade de São Paulo e oferece ao público a oportunidade de ver ou rever o que passou de mais significativo pelas telas da cidade no ano anterior. A programação é escolhida democraticamente por meio de votação de público e crítica. Os filmes que participam da votação em 2021 são aqueles lançados nas salas de cinema de São Paulo e no streaming ao longo de 2020.

 

Em 47 anos de realização, o Festival Sesc Melhores Filmes já exibiu centenas de longas-metragens brasileiros e estrangeiros. Desde a edição de 2010, o festival inovou ao ser o primeiro evento do gênero a disponibilizar sua programação com serviços de audiodescrição, que possibilita o acesso aos deficientes visuais e auditivos, e legendagem open caption. Alguns desses recursos serão oferecidos em filmes da grade deste ano na plataforma do Sesc Digital.

 

 

Sobre CineSesc 

Um dos cinemas de rua mais queridos da cidade, o CineSesc iniciou seu funcionamento em 21 de setembro de 1979, no número 2075 da rua Augusta, na cidade de São Paulo, e se dedica à missão de fomentar a difusão do cinema de qualidade, exibindo obras que muitas vezes ficam fora do circuito comercial nas salas de cinema e plataformas online. Sua programação inclui grandes e pequenas produções do mundo todo.

 

Além de integrar o corpo de curadores em mostras especiais, o CineSesc também recebe festivais importantes do calendário cinematográfico paulistano, como a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, Festival Mix Brasil e o Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo, entre outros. O cuidado com a programação tem reconhecimento do público e da crítica, que o elegeu, por diversas vezes, a melhor sala especial de cinema na cidade de São Paulo.

 

CineSesc na Quarentena

Fechado de março a outubro de 2020, em função da pandemia de covid-19, o CineSesc reabriu suas portas na Rua Augusta 2075, seguindo todos os protocolos de sanitização e segurança recomendados pela Prefeitura e Governo do Estado de São Paulo. A unidade funciona inicialmente em horário reduzido, a lotação máxima é de 30% da capacidade da sala e a oferta de assentos respeitando a distância entre os espectadores. A higienização do ambiente é realizada cuidadosamente antes de depois das exibições. O acesso à unidade é permitido após aferição de temperatura do público. Totens com álcool gel 70% também estão disponíveis e o uso de máscara é obrigatório para entrada e permanência no local.

 

Vale lembrar que a unidade está aberta apenas para a exibição de filmes.

Café, Bar, Central de Atendimento e Bilheteria permanecem fechados.

 

Siga o CineSesc nas redes:

facebook.com/cinesescsp
twiter.com/cinesescsp
instagram.com/cinesescsp
youtube.com/cinesesc

Nenhum comentário:

Público poderá conferir PROIBIDO NASCER NO PARAÍSO na Globoplay e Canal GNT

Filme dirigido por Joana Nin traz à tona uma questão polêmica da ilha Estreia na Globoplay em 1º de maio, e no GNT dia 5 de maio,...