Baseado em Fatos Reais, “UToYA – 22 de Julho” Chega aos Cinemas em 29 de Novembro



Baseado na tragédia de 22 de julho de 2011, quando um terrorista invade e atira em centenas de jovens, deixando 77 mortos na ilha de Utoya, na Noruega. “UTøYA - 22 DE JULHO”, do diretor norueguês Erik Poppe, chega aos cinemas dia 29 de novembro, após ser exibido na 42o Mostra Internacional de Cinema em São Paulo e do Festival Internacional de Cinema do Rio.  O filme teve sua estreia mundial na competição oficial do Festival de Berlim e será distribuido pela California Filmes.

No longa acompanha a jovem Kaja (Andrea Berntzen) e sua irmã mais nova Emilie (Elli Rhiannon Müller Osbourne). A partir do primeiro tiro é possível entender os sonhos, o comprometimento e os desejos dos jovens que estavam naquela realidade. Correndo para salvar suas vidas, todos são tomados pelo pânico e o desconhecido faz com que se escondam em vários lugares ao redor da ilha. A tentativa de escapar e mudar de esconderijo para esconderijo mostra alguns dos amigos da garota e outras novas amizades. O denominador comum de quem está alí é a forma pela qual cada um está tentando lidar com a situação e encontrar uma solução para sobreviverem.

Enquanto o longa é a estreia da atriz Andrea Berntzen nas telonas, o cineasta Erik Poppe é conhecido pela direção do drama “Mil Vezes Boa Noite” (2014) e do suspense “Águas Turbulentas” (2008).

Sinopse

No pior dia da história norueguesa moderna, Kaja (Andrea Berntzen) se diverte com sua irmã mais nova Emilie (Elli Rhiannon Müller Osbourne), 12 minutos antes da primeira bomba chegar ao acampamento de verão na ilha Utøya. Foi o segundo ataque terrorista de Anders Behring Breivik, em menos de duas horas, e matou 69 pessoas. Kaja representa o pânico, medo e desespero dos 500 jovens enquanto busca sua irmã na floresta.

Ficha Técnica

Direção: Erik Poppe
Elenco: Andrea Berntzen, Aleksander Holmen, Brede Fristad
Gênero: Drama, Suspense
País: Noruega
Ano: 2018
Duração: 90 min
Classificação Indicativa: 16 anos


Nenhum comentário: