Crítica Filme "O Mistério do Relógio na Parede" - Rita Vaz



Baseado no livro de mesmo nome escrito por Lewis Barnavelt, “O Mistério do Relógio na Parede” é um filme feito para que as famílias possam ir juntas ao cinema e curtir, entre risos e medos, uma fantasia que agrada a todos.

A princípio, o longa é dirigido para crianças, mas, eu diria que não para crianças de qualquer idade. Ele foi classificado para crianças a partir dos dez anos, mas tenho certeza que elas terão alguns medos ao longo do filme e depois dele também.

Apesar dos alívios cômicos e da proposta de fantasia, alguns momentos do longa surpreendem até os maiores de idade.

“O Mistério do Relógio na Parede” me surpreendeu, porque eu não esperava uma história que assustasse como ela assusta.

Para se ter uma ideia, ele remete muito ao filme “Goosebumps – Monstros e Arrepios”, segue a mesma linha, e é difícil não lembrar dele, já que o ator principal dos dois longas é Jack Black.
Aliás, ele está ótimo no papel, parece que foi feito para esse tipo de personagem, que tem poderes mágicos, faz algumas trapalhadas e precisa cuidar de alguém.

No elenco também estão os ótimos Cate Blanchett e Kyle MacLachlan, mas quem rouba a cena é o pequeno Owen Vaccaro que traz ingenuidade, abandono e empatia para o seu personagem.

Na história conhecemos Lewis, um garoto de dez anos que acabou de perder os pais e vai morar em outra cidade na casa de seu tio Jonathan Barnavelt.

O que Lewis nem imagina é que seu tio é um feiticeiro cheio de truques e tem em sua melhor amiga, a sra Zimmeerman, mais uma feiticeira.

Aos poucos ele vai perceber que a mansão de seu tio não é uma casa qualquer, ela é cheia de magia e surpresas, e dentro dela está escondido um relógio, que foi deixado lá por um feiticeiro que já morreu, mas está louco para voltar à vida e acabar com a humanidade.

O diretor Eli Roth faz um filme que conta uma história de mistério, e para isso, ele tem a ajuda da mansão encantada, que ganha vida em cada cômodo, móvel ou objeto, tornando-se assim, um elemento fundamental da história.

Ele conta também com um excelente elenco, com muitas cenas de ação e suspense, e consegue com isso prender a atenção do espectador.

“O Mistério do Relógio na Parede” é um filme que fala de fantasia, mas fala também de relações interpessoais, de família e de como pessoas, unidas pelo amor, podem formar novas famílias.

Título Original: The House With a Clock in its Walls
Gênero: Fantasia
Tempo de Duração: 1 hora e 46 minutos 
Ano de Lançamento: 2018
Direção: Eli Roth
Elenco: Jack Black, Cate Blanchett, Owen Vaccaro, Sunny Suljic, Colleen Camp, Renée Elise Goldsberry, Kyle MacLachlan, Lorenza Izzo.

Nenhum comentário: