Crítica Filme "Bling Ring: A Gangue de Hollywood




Dirigido por Sophia Copolla, que gosta de mostrar em seus filmes o lado sórdido de certos indivíduos, “Bling Ring”, é um retrato da sociedade atual onde o “aparecer” ultrapassou até a necessidade de “ter”.

Nesse caso, jovens que arriscam sua liberdade, sem ter uma mínima ideia da dimensão de seus atos.
Jovens que admiram celebridades que não acrescentam nada para a sociedade, e querem imitá-las como se fossem exemplos de conduta e ética de vida.

Na história conhecemos os amigos Nicki, Marc, Rebecca, Sam e Chloe que apresentam em comum, famílias despreparadas, pais ausentes e principalmente uma falta de objetivo na vida.

Para preencher esse vazio eles começam a invadir e roubar casas de celebridades que eles admiram, tentando através dos roubos, imitá-los e quem sabe ter a vida glamorosa que eles têm.

Acontece que os roubos ganham uma dimensão grande, e chama a atenção da polícia, que começa a procurá-los, inclusive através das redes sociais onde eles fazem questão de mostrar os frutos de seus roubos, usando-os em todo tipo de fotos. 

Um filme que faz a gente pensar no que é realmente importante para as pessoas.

O mais impressionante é que ele é baseado em fatos reais.

Nenhum comentário: