Mostra de Documentários Portugueses

      
      CINEMATECA DO MUSEU GUIDO VIARO
      SEMANA DE 6 A 10 DE NOVEMBRO ÀS 20 HORAS  – Entrada Franca.


Os 5 documentários em vídeo que serão apresentados nesta edição, com uma duração aproximada de 54 minutos cada um deles, focam histórias e personagens diversos  que de alguma forma, seja pelo estilo de vida, filosofias, crenças, maneiras de pensar e agir, suscitam o interesse geral.
Hippies, rastas, motoqueiros, crentes e colecionadores de bonecas, formam o rol das personagens que contarão as histórias sugeridas.
Um retrato atual de uma pequena parcela da sociedade portuguesa, mesmo que algumas, por opção, vivam um pouco à margem dela. 

Dia 06 – Da Vida das Bonecas – Homens e mulheres colecionadores de bonecas. Um documentário curioso, com personagens únicos e surpreendentes, cada qual em sua própria “viagem”. Pessoas adultas, alguns com profissões bem definidas, que entretanto se mantém fiéis a magia da infância.
Jornada Internacional de Cinema da Bahia – 2008 – Festival CineSul – Rio de Janeiro – 2008 – Festival Cineport – João Pessoa – 2009 – Mostra Panorama – Lisboa – 2009  

Dia 07 – Rastas – Como vive uma família muito especial, os One Love Family. Dos 7 aos 46 anos, formam uma animada banda de Reggae. Todos tocam, todos cantam.
Vivem em contacto direto com a natureza, nas montanhas perto de Coimbra, relativamente afastados da sociedade de consumo que eles denominam, por idealismo, de “Babilônia”.
Menção honrosa na Jornada Internacional de Cinema da Bahia – 2004 – Dias do documentário – Cinema King – Lisboa – 2004 – Panorama – Mostra de documentários – Lisboa – 2005 – Encontros Lusófonos – Países de língua portuguesa – 2005 – Festival del Cine Africano – Tarifa/Espanha – 2007 – Cabo Verde (em praça pública) – 2008 

Dia 08 – A Fé de Cada Um – A imagem de N.Sra.de Fátima, a padroeira de Portugal, é o estopim de uma polêmica gerada por um padre católico, contestador e crítico do Culto à Fátima e a seu Santuário, ao qual denomina de “campo de concentração da dor”. Entretanto, milhares de fiéis atravessam o país a pé para agradecer seus milagres.
Solitariamente, por vias paralelas às estradas, caminha o “Pagador de promessas”. Por uma quantia previamente combinada, ele paga as promessas de quem já não as pode pagar.
Prêmio Especial do Júri  - Jornada Internacional de Cinema da Bahia – 2005
Panorama – Lisboa – 2005  

Dia 09 – Padre Motard – O padre Zé Fernando veste-se com a indumentária própria dos adeptos dos motoclubes de Portugal, frequenta concentrações e acima de tudo tem o espírito livre e aventureiro dos motociclistas. A luta contra o câncer transformou as suas perspectivas e levou-o a abraçar sua vocação junto desta comunidade. Um homem digno e um padre fiel. Uma referência de vida e um verdadeiro Pop Star no meio motard.
Prêmio Favorito do Público – CineSul 2011 - Produzido para a TV portuguesa – RTP2 – 2010

Dia 10 – Hamburg – Alentejo – O incidente atómico em Chernobil, na Ucrânia em 1983, além das vítimas mortais, mudou a vida a diversas pessoas também em países vizinhos, como a Alemanha. Muitos foram os que abandonaram suas terras em busca de novos ares. No sul de Portugal, no Alentejo, formou-se uma pequena comunidade de alemães hippies que ali se estabeleceram e criaram seus filhos.
Produzido para a televisão portuguesa, RTP 2 – 2012

 

        Cinemateca do Museu Guido Viaro
       Rua XV de Novembro 1498 - (em frente à Reitoria) – Centro – Curitiba.
       Entrada Franca.

 

Nenhum comentário:

A VIDA INVISÍVEL no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

  Produzido por Rodrigo Teixeira, da RT Features, A VIDA INVISÍVEL teve sua estreia mundial no Festival de Cannes de 2019, no qual conquist...