Filmes Selecionados Para o 41º Festival de Brasília Concorrem a R$ 505 Mil Em Prêmios


Tem início na próxima semana mais uma edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, evento arrolado como Patrimônio Imaterial do Distrito Federal desde sua 40ª. edição.
Os filmes selecionados para o evento, tanto as produções locais quanto as de outros estados, concorrerão a um total de R$ 505 mil (quinhentos e cinco mil reais) em prêmios, conferidos pelo júri oficial, júri popular, empresas e entidades parceiras do evento.
Disputarão R$ 345 mil as produções nacionais da mostra competitiva oficial, sendo R$ 190 para longa-metragem em 35mm, R$ 55 mil para curtas ou médias em 35mm e R$ 50 mil para filmes em 16mm, escolhidos pelo júri, e mais R$ 30 mil para o melhor longa em 35mm e R$ 20 mil para o melhor curta 35mm, pelo júri popular.
Somam-se a estes o Troféu Câmara Legislativa do Distrito Federal (R$ 65 mil), Prêmio IESB de Cinema (R$ 15 mil), Prêmio MegaColor / Estúdios Mega (R$ 18 mil), Prêmio Quanta (R$ 22 mil), Prêmio Aquisição Canal Brasil (R$ 10) e Prêmio Aquisição TV Brasil (R$ 30 mil).
Algumas empresas e entidades parceiras do Festival também conferirão troféus e prêmios em espécie, como é o caso do Prêmio Dolby, que consiste na licença equivalente a quatro mil dólares, para utilização do sistema de som Dolby.
Troféu Marco Antônio Guimarães, conferido pelo Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro, Prêmio Saruê, conferido pela equipe de cultura do jornal Correio Braziliense; Prêmio da Crítica, para o melhor longa e melhor curta em 35mm; Troféus Conterrâneos, oferecido pela Fundação CineMemória ao melhor Documentário do Festival; Prêmio ABCV DF 2008, conferido à melhor produção do Distrito Federal e Prêmio Vagalume, conferido por integrantes do projeto Cinema para Cegos, da Diretoria de Inclusão Sociocultural, da Secretaria de Cultura do DF.

Nenhum comentário: