Revista Discurso n.37 - A Música e a Filosofia


A revista Discurso traz, em seu número 37, um texto inédito de Antonio Candido, “Da importância de não ser filósofo”, sobre o professor de filosofia Jean Maugüé, integrante da Missão Francesa que ajudou a construir a Universidade de São Paulo e que, ao contrário de nomes como Lévi-Strauss e Fernand Braudel, não se tornou célebre ao retornar para a Europa. Para o crítico literário, no entanto, Maugüé foi igualmente fundamental para os jovens estudantes da USP que, como ele, Candido, não desejavam ser filósofos.
O tema central da edição é a relação entre a música e filosofia. Por meio dos conceitos desenvolvidos desde os antigos filósofos, como Platão, até os críticos do século XX, como Adorno, a música é interpretada desde o silêncio até a palavra – para Nietzsche, que tem um fragmento traduzido para esta edição, “a música de cada povo começa inteiramente em aliança com a lírica e, muito tempo antes de se poder pensar em uma música absoluta, ela percorre nessa união os mais importantes degraus de sua evolução”.
A revista conta ainda neste número com colaborações de Jorge de Almeida (“Filosofia da música e crítica musical em Theodor Adorno”), Vladimir Safatle (“Fetichismo e mimesis na filosofia da música adorniana”) e Roosevelt Araújo da Rocha Júnior (“Música e Filosofia em Platão e Aristóteles”), entre outros.

Nenhum comentário:

Com vozes de Giovanna Antonelli e Murilo Benício, 'Amigos Imaginários' ganha novo trailer

Longa chega aos cinemas do país em 16 de maio Assista ao trailer DUBLADO AQUI Está no ar mais uma prévia do mundo de encanto que toma cont...

Olhar de Cinema Festival Internacional de Curitiba